terça-feira, 13 de novembro de 2018

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

ANIVERSARIO DE JETSUN KUSHO

Sakya Tsechen Thubten Ling
Sunday, November 11th, 10:00 AM Green Tara Four Mandala Puja followed by White Tara Sadhana and Jetsun Kushok Rinpoche Birthday Celebration (her western Birthday on 14 November).

9471 Beckwith Road, Richmond, B.C., V6X 1V8 Canada
All welcome, no prerequisites.

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

ANIVERSÁRIO DE NOSSO SAGRADO GURU


ORAÇÃO DE LONGA VIDA DE SUA SANTIDADE SAKYA TRIZIN:
Glorioso, grande e precioso Mestre-raiz
Em lótus sobre minha cabeça
Nosso adorno na extrema compaixão
Abençoe-nos corpo, palavra e mente.
Na guarda da roda protetora
Sete olhos garantem sua vida
Muitos garantem sua vida
E o protegem dia e noite.
Divino Caminho de Padmasambava
Sabedoria amorosa, radiante poder
Flor dos Sakyas, no espelho das palavras
Mestre de Quatro Mundos, viva longamente.
Ngawang Kunga, divina família Khön
Alegria e benefícios traz para todos
Reitor do caminho grande e secreto
Rei, poderoso rei dos nossos desejos
Por favor viva longamente.
Meditando, orientando e ouvindo
Sobre base de ouro moral
Ensinando, debatendo e compondo
Real Refúgio, viva longamente.
Como segundo Buda mestre do Lan Dré
Caminho validado das palavras
Ensine dos Cinco Sakyas fundadores
Você que fala como Buda, por favor
Viva longamente
Sua presença embeleza este mundo
Possui o poder temporal dos Sakyas
Irradia dos Sakyas as obras de beleza
Como um Vajra, Três Segredos, viva longamente.
Tríplice Gema, Mestre compassivo
Ydam e Protetor cheio de força
Profundo, inamovível, verdadeiro
Por tais poderes nossos desejos realizados.
Pelas bênçãos da Tríplice Gema
Pelo poder dos mais virtuosos
Pela linha dos Possuidores de Manjushri
Viva muito suas obras cresçam como Budhas.
Pedindo pela saúde de nossos mestres
Pedindo pela infinita vida de nossos mestres
Pedindo que suas obras aumentem
E se espalhem no universo
Que não nos apartemos deles nunca
E que eles nos abençoem.
Que tenham firmes suas vidas como montanhas
Que os Ensinamentos continuem como estrelas
Que fama e glória preencham todo o espaço
E através de suas obras todos nós sejamos felizes.

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

sábado, 1 de setembro de 2018

quarta-feira, 25 de julho de 2018

quarta-feira, 11 de julho de 2018

A DEVOÇÃO AO GURU

A DEVOÇÃO AO GURU















A DEVOÇÃO AO GURU



YESHE TSÖNDU. The essence of nectar. Dharamsala, Library of Tibetan Works & Archives, 1994. p.17-23. (Trad. R. Samuel)

As Vantagens da Devoção a um Guia Espiritual

As vantagens de apropriada devoção, por pensamento e ação, a um virtuoso guia espiritual que mostra o caminho da Iluminação suprema, completa e infalível são inconcebíveis; porque (o Buddha) disse que o grande estado de unificação que é extremamente difícil de atingir até mesmo através da prática diligente durante um oceano de incontáveis eras é alcançado facilmente em uma curta vida durante este tempo de degeneração se a pessoa confiar no poder de um mestre espiritual.
É dito que quando a pessoa se dedica corretamente a um guia espiritual supremo, ela será logo livre da existência cíclica, e todos o vitorioso se alegrarão das profundidades dos seus corações e mentes, como fazem as mães quando vêem o beneficio de seus filhos.
(O Buddha) disse que quando um discípulo é dedicado corretamente a um mestre espiritual, todos os vitoriosos entram alegremente no corpo daquele mestre espiritual, embora não tenham sido invocados; e então, aceitando os oferecimentos acumulados, os Vitorioso dão força inspiradora na corrente do contínuo mental do discípulo.
Naquele momento a força inspiradora de todos os .Buddhas entram pela porta da mente da pessoa que tem fé [no Guru]; e por sua força, os exércitos dos maus espíritos não podem causar nenhum dano e aflições mentais; e imediatamente as realizações das fases do caminho se desenvolvem e aumentam.
Se um praticante sempre reverenciar e confiar em um mestre espiritual, então todas as aflições mentais e atividades errôneas terminarão por si próprias , e as faculdades virtuosas da pessoa aumentarão naturalmente. A pessoa obterá então grande felicidade nesta e em vidas futuras.
De acordo com a causa de seus resultados, se a pessoa agradou (a pessoa do) Guru nesta vida, então em todas as vidas sucessivas ela terá um virtuoso guia espiritual e ouvirá o Dharma supremo infalível e completo.
Em resumo, enquanto estiver dedicando a si mesmo a um guia espiritual, a pessoa estará livre dos estados de não ter tempo [condições para a prática do Dharma] e vai obter um nascimento afortunado como um deus ou um humano. Enfim todo sofrimento da existência cíclica acabará, e a pessoa atingirá o sublime estado de bondade definitiva.


As Desvantagens da falta de Devoção (para um Guia Espiritual)

Da mesma maneira que as vantagens da apropriada devoção para um guia espiritual são inconcebíveis, igualmente as desvantagens da falta de devoção ou uma falha na devoção também são inconcebíveis.
(O Buddha) disse que, como as ações dos virtuosos guias espirituais são as ações do Vitorioso [Buddha] que aparece como mestre espiritual da pessoa, sendo desrespeitoso para com ele é (igual a) ser desrespeitoso para com o Vitorioso [Buddha]. Que (poderia trazer possivelmente) um resultado maduro mais pesado do que isso?
É declarado no Kalacakra Tantra que se por alguns momentos a pessoa desenvolver raiva para (a pessoa) do mestre espiritual, a virtude acumulada durante muitas Eras é destruída, e durante tantas eras quanto o número desses momentos a pessoa nascerá em inferno.
(O Buddha) disse que se aquele que cometeu atrocidades como as cinco ações odiosas confiar no Tantra, a pessoa pode atingir até mesmo o supremo (estado de unificação) nesta mesma vida. Mas o que menospreza (a pessoa) do mestre espiritual das profundidades do seu coração não pode ter sucesso desenvolvendo qualquer atividade [de Dharma], até mesmo se a pessoa praticar durante Eras.
É explicado nos Tantras que se uma pessoa humilha a um guia espiritual que mostra o propósito do caminho, então até mesmo se fizer um esforço para abandonar o sono, inquietação e a preguiça -o melhor modo de se esforçar para o Tantria será se esforçar (para um renascimento em) inferno.
Se a pessoa faltar com respeito pelos supremos mestres espirituais, então boas qualidades não se desenvolverão e as que se desenvolverem se degenerarão. Nesta vida, a doença, os espíritos, a morte intempestiva etc virão, e na vida futura a pessoa vagará eternamente nos reinos infelizes.
Até mesmo se depois de centenas (de renascimentos) a pessoa obtiver nascimento como um ser feliz, por causa do que tem que resultar conforme a causa, o desrespeito, a pessoa nascerá em um estado de "sem tempo "[falta de condições para a prática do Dharma], quando nem mesmo as palavras “Dharma supremo” ou “virtuoso guia espiritual” poderá ouvir.
Em resumo, (uma pessoa) com falha na devoção para (o seu) guia espiritual vagará permanentemente em existência cíclica, especialmente nos reinos infelizes, e experimentará só sofrimento. Assim, ele não terá nenhuma chance para atingir um renascimento alto ou a liberação.
Como estas vantagens e desvantagens estão além de nossa compreensão, e como é evidente que as raízes da acumulação de falta de mérito existem aqui , você não acha que é tempo de deixar de faltar (com o Guru) e dedicar-se (a si próprio para eles) com reverência e fé?


A prática da fé, a Raiz (de Virtude)
Foi declarado nos Sutras que todos os guias espirituais que nos mostram o caminho são (reflexos de) uma única lua no céu que sem esforço e simultaneamente aparece nas águas de toda a terra.
Semelhantemente, a sabedoria de todos os Buddhas sem esforço e simultaneamente aparece como o corpo de forma, o corpo de utilidade, guias espirituais, e assim sucessivamente, em qualquer forma (apropriada) para purificar todos os discípulos puros e impuros.
Muitos Tantras dizem particularmente que no declínio da era, o Senhor Todo-penetrante, Proprietário do Vajra, mostra-se para o discípulo na forma de um guia espiritual virtuoso comum, conduzindo todos os seres..
Por isso, qualquer das formas e ações em que eles possam manifestar-se, não há nenhuma dúvida de que em realidade todos os vitoriosos das dez direções para nos conduzir ao caminho de liberação, estão-se revelando sob a forma daqueles que nos guiam.
Ainda que eles (estas formas e ações) pareçam ter faltas, (nossa percepção é) semelhante ao de Devadatta, Leg-gar, e os filósofos que desafiaram o (Buddha Shakyamuni). Eles (incorretamente) perceberam Aquele Professor dos mestres, que tinha eliminado todas as faltas e que tinha consumado todas as boas qualidades, como sendo uma massa de defeitos.
Da mesma maneira que um homem com icterícia percebe uma concha (branca) como amarela, assim faço eu, perturbado por obstruções e ações ruins, sempre que percebo quem é sem defeito como tendo faltas. Em realidade, porém, como podem (os Buddhas) possuir faltas?
Que certeza há que essas (formas e ações) que parecem ter faltas não foram mostradas assim por algum propósito? Como é declarado (no Sutras e Tantras), por causa de seres sensíveis o vitorioso se mostrou para eles como emanações de demônios e assim sucessivamente. Enquanto eu não sou livre de ações ruins e obstruções, até mesmo se todo os Buddhas fossem de fato aparecer diante de mim, eu não teria a boa fortuna de ver seus excelentes corpos adornados com as marcas principais e secundárias. Eu só (os veria na forma de mestres espirituais ordinários como) esses que aparecem para mim agora.
Assim, todas as ações de meus protetores espirituais que parecem ter faltas ou são o aparecimento ilusório de minhas próprias ações ruins ou por eles foram mostrados por algum propósito.
Por isso, eles podem aparecer para mim, (estes protetores espirituais) eliminam todos os defeitos de fato e consumam todas as boas qualidades. Cada um é a essência combinada de todos os puros vitoriosos dos inumeráveis reinos.

Lembrando-se da Bondade (de meus Protetores Espirituais)

Não só meus protetores espirituais têm a mesma essência de todos os vitoriosos (Buddhas), mas sua bondade (para mim) é muito maior que o de todos os Buddhas porque eles sempre me nutrem com o néctar de supremo Dharma.
Por exemplo, se alguém prover fiança para o sofrimento de homem que está na prisão e lhe dá um lugar para ficar com a maioria dos luxos, isto realmente seria um ato de grande bondade.
Os mestres espirituais manifestam grande bondade mostrando-me como permanecer livre dos três reinos infelizes, e como eu posso desfrutar temporariamente dos dons gloriosos dos deuses e homens como eu desejo.
Além disso, mostrando os insuperáveis métodos hábeis de superar todas as dificuldades da existência cíclica e solitária transcendência, eles me conduzem ao estado supremo dos três corpos. Por que esta bondade não seria maior (que a mostrada ao prisioneiro)?
O Buddha disse que a bondade de alguém que ensina um único verso (do Dharma) não pode ser recompensada nem sequer fazendo oferecimentos durante tantas eras quanto o número de palavras daquele verso. Quem pode medir a bondade então do (mestre espiritual) que mostrou o nobre caminho completo?
(Por causa da) bondade dos veneráveis mestres espirituais (eu renunciei) à vida secular que é como uma cova ígnea e entrei na vida religiosa. Morando em exclusão com íntegra e direta conduta, eu experimentei o gosto sem igual do néctar do Dharma supremo.
Por causa da bondade dos supremos protetores espirituais, recebi eu e ganhei a confiança nos ensinos do Suave Protetor Guru (Je Tsong Khapa), que são tão difíceis achar até mesmo quando buscados por muitos milhares de eras.
Por estas razões meus guias espirituais são:

—protetores que me salvam dos reinos infelizes.
—timoneiros que me levam pelo oceano de existência cíclica.
—guias que me conduzem aos reinos superiores e liberação.
—médicos que curam a doença crônica das aflições mentais.
—rios que extinguem o grande fogo do sofrimento.
—lâmpadas que dispersam a escuridão da ignorância.
---o sol que revela o caminho a liberação
—libertadores que me livram da prisão da existência cíclica
—nuvens que despejam a chuva de Dharma supremo
—pais que me ajudam e me protegem carinho.


O modo de agradar (os Gurus) pela Conduta.

Toda a felicidade e bem-estar de pessoas mundanas e dos que transcenderam o mundo é (devida à) bondade dos mestres espirituais. Embora esta bondade nunca pode ser recompensada completamente, para compensar (alguma coisa), eu tentarei agradá-los.
Da mesma maneira que os fazendeiros se dedicam a plantar as sementes em um campo fértil, por que eu não me mostro oferecendo homenagem e riqueza ao Gurus, o campo supremo? Embora eles não procurem oferecimentos e estima, eu deveria fazer isto para completar depressa minha acumulação de mérito.
(O Buddha) disse que há maior mérito no fazer oferecimentos a um único cabelo do corpo de um mestre espiritual que ensina o caminho infalível para uma pessoa -- do que honrar e fazer oferecimentos à assembléia inteira de Sublimes [Buddhas], Ouvintes[Buddhas], Vencedores solitários[Buddhas], Bodhisattvas, e para cada e para todos os Buddhas.
Muitos sábios, como Naropa, Milarepa, Dromtonpa, Sakya Panchen, e Ja-yulwa desenvolveram as suas boas qualidades oferecendo sem relutância os seus corpos, vidas e riqueza para os seus gurus.
Então, eu me esforçarei reverentemente para servir (a meus gurus) com o corpo e a fala, elogiando-os e falando respeitosamente com eles, massageando-os e dando-lhes banho, levantando-me [diante deles]e prosternando-me a eles, e oferecendo qualquer apreciada riqueza que eu tenha.
A suprema (conduta) das três portas que muito agrada aos gurus é fazer o grande esforço concentrado, dia e noite, nas fases do caminho completo e infalível. Eu devo,
portanto, agradá-los com o oferecimento da prática, de acordo com suas instruções.
(Ó Mestre espiritual), por favor conceda-me forte inspiração para que eu possa ser capaz de fazer isto!
YESHE TSÖNDU. The essence of nectar. Dharamsala, Library of Tibetan Works & Archives, 1994. p.17-23. (Trad. R. Samuel)

quarta-feira, 27 de junho de 2018

PALÁCIO SAKYA PERTO DO JOKHAM EM LHASSA NO TIBET...

PALÁCIO SAKYA PERTO DO JOKHAM EM LHASSA NO TIBET...
Wangchuk Kyongdu está com Prem Paul.
༄། བོད་ཀྱི་རྒྱལ་ས་ལྷ་སའི་ཇོ་བོ་ཡིད་བཞིན་ནོར་བུའི་གཙུག་ལག་ཁང་གི་ཉེ་འགྲམ་དུ་བཞེངས་པའི་དཔལ་ས་སྐྱའི་ཕོ་བྲང་གསར་པའི་ཕྱི་ནང་གི་པར་རིས་དང་བརྙན་ཐུང་འགའ། new Sakya palace near Jokhang temple, Lhasa, Tibet. 🌺🌺🌺

sábado, 23 de junho de 2018

RINPOCHE


terça-feira, 19 de junho de 2018

Jamyang Khyentse Chökyi Lodrö - 1893-1959


Jamyang Khyentse Chökyi Lodrö - 1893-1959
འཇམ་དབྱངས་མཁྱེན་བརྩེ་ཆོས་ཀྱི་བློ་གྲོས་
Fue uno de los maestros tibetano más destacados del siglo XX. Autoridad en todas las tradiciones y poseedor de todos los linajes budstas tibetanos, fue el corazón del movimiento Rimé (ecuménico) en el Tíbet. Considerado la ancarnación de la actividad de Jamyang Khyentse Wangpo. Hoy se conmemora su Paranirvana 🌈

sexta-feira, 1 de junho de 2018

terça-feira, 29 de maio de 2018

HOJE NASCIMENTO ILUMINAÇÃO E PARANIRVANA DO BUDA

HOJE NASCIMENTO ILUMINAÇÃO E PARANIRVANA DO BUDA - OS FRUTOS DO CARMA DAS AÇÕES DE HOJE SÃO MULTIPLICADOS POR MILHÕES... DIA DE ALEGRAR-SE... VISTA-SE DE ROUPAS CLARAS... CANTE E DANCE E OFEREÇA FLORES À IMAGEM DO BUDA, MESMO MENTALMENTE...

ANIVERSÁRIO DO BUDA


PUJA ABREVIADO DE PROSTERNAÇOES E OFERECIMENTOS AOS STHAVIRAS PELO PANDITA SHAKYA SRI
Eu me refugio no Buda, no Dharma e na Sangha ate alcançar a Iluminação. Que toda a energia acumulada pela pratica da Generosidade e das outras perfeições sirva para que alcance a iluminação para poder beneficiar a todos os seres (3X). POSSAM TODOS OS SERES SER FELIZES! POSSAM TODOS OS SERES ESTAR LIVRES DO SOFRIMENTO! POSSAM TODOS OS SERES NUNCA SE SEPARAR DA SUPREMA BENÇÃO DA LIBERAÇÃO! POSSAM TODOS ABANDONAR O APEGO E A AVERSÃO E VER CADA UM COMO IGUAL!
Pela verdade das Três Jóias de refúgio e pela benção dos Budas e de seus filhos, e pela posse das duas acumulações, e pela força da pureza do Dharmadhatu, no meio do puro reino do vaso e de seu conteúdo,  num grande e belo palácio de incomparáveis jóias está o precioso trono de leão sobre o qual ha um soberbo assento de lótus e lua pelo poder de Dharani. Há nuvens de oferecimentos tão vastos quanto o oceano. Por favor aceitem-nos (mantra dos oferecimentos, com musica e incenso): NAMO RATANA TRAYAYA OM NAMO BHAGAWATÊ  BENZE SARA PRA MANDANE TATHAGHATAYA ARAHATÊ SAMIA SAMBUDDHAYÀ TEYATÀ OM BENZE BENZE MAHA BENZE MAHA TEDZÁ BENZE MAHA BIJYA BENZE MAHA BODHITITTA BENZE MAHA BODHI MANDO PASSAM PRAMANA BENZE SARVA KARMA AVARANÊ BISHÔ DHANÁ BENZE SOHA! (3x) (Acenda o incenso e recite harmoniosamente:) No centro de um plano no nível da palma da  mão, incrustado de jóias e decorado com árvores e lagos  há um palácio feito de jóias de quatro lados com quatro portas. Sobre um trono adornado de lótus, sol e lua esta sentado Aquele que tem a Compaixão, o que estabeleceu o treinamento no caminho da liberação nesta era degenerada. O Senhor dos seres, o supremo Sábio com os grandes Sthaviras, nós suplicamos que venham a este lugar com toda a sua corte, ó Budas e seus filhos das dez direções, que brilham o fogo da sabedoria que seca o oceano de klesas. Suplicamos a todos, que são um campo de mérito!  Fiquem aqui, ó Sravakas, Sangha das dez direções. Daqui os convidamos para receber estas oferendas, nós suplicamos que venham e que aceitem estas oferendas pela salvação de todos os seres. Ó Senhor dos seres, Leão dos Sakyas, que proferiu a Doutrina dos Budas, que tem a preciosa palavra   o grande Dharma protegido pelos Arahants, por favor venha para cá, pois o convidamos a vir e a aceitar estas oferendas pela salvação de todos os seres. E vocês, mandados pelo Sábio que empunha a vitoriosa bandeira da Doutrina: YANLG JUNG,  MAPHAM,  NAGNANEY,  DUDEN,  DHOJE MOBU, ZANGPO, SERBEN,  BHARA DHA-DZA SERTCHEN,  BAKULÁ, DRACHENDZIN,  LANTRENTEN, BHARA DHA-DZA SEDNYON LEN,  LAM TEM,  LUI DHE,  BHED JED, e MICHEDPA.  A estes Ararants, os grandes Sthaviras, por convidá-los como a uma ilha de precioso mérito, nos lhes suplicamos a que venham e que aceitem estas oferendas pela salvação dos seres. Nós suplicamos que venham. Possuindo a acumulação dos Budas de renúncia e transcendente sabedoria os Senhores adotaram o estilo dos Sravakas por nós que seremos treinados, Os Senhores, ó Dezesseis Sthaviras, cuja principal atividade é proteger o Dharma, por favor venham a este lugar e aqui fiquem. Os Senhores que guardam o Dharma e reverenciam acima de todas as coisas as palavras transmitidas pe1o Tatágata, tendo abandonado o autobenefício na floresta do Samsara e eficientemente realizado o benefício dos demais, ó Dezesseis Sthaviras, os Senhores foram tomados pelo voto da compaixão, por favor venham a este lugar, os Senhores são o Refúgio do povo leigo, que suplicam com sinceridade por vocês. Inquebrantáveis votos foram feitos pelos Senhores, ó servos das Três Jóias. Nós os convidamos como a um campo de precioso mérito, nos lhes suplicamos que aceitem estas oferendas pela segurança dos seres. Para todos os Leões dos homens, Tatágatas, nos três tempos e em todos os mundos das dez direções, nós lhes prestamos homenagens com o corpo, palavra e mente. Com todos os Budas bem estabilizados na nossa mente, pelo poder da virtuosa conduta, curvando-nos com tantos corpos quantos são os grãos de terra deste mundo, nós de modo completo prestamos homenagem a todos os Budas, que num único átomo há mais Budas do que os átomos do mundo e Budas sentados no meio de seus filhos Bodissátuas. Assim nós desejamos que a total esfera do Dharma seja preenchida pelos Vitoriosos. Com inesgotável oceano de preces, recitando as qualidades de todos os Budas, nós rezamos a todos os Sugatas. Os Senhores são incomparáveis, a quem nunca cessamos de contemplar, com seus corpos brilhantes de colorido ouro. (Convide com musica:) PARA O INCOMPARÁVEL, a quem é impossível igualar mesmo com um vislumbre, na beleza de seu corpo cor de ouro, com uma face e dois braços sentado na postura de pernas cruzadas, para o Senhor (Buda Shakyamuni), que põe a mente no completo descansar para a meditação de subjugar a Terra, nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!
 STrizinadvicepeq
 NA GRANDE MONTANHA nevada de Tise ou Kailás mora o Ária Sthavira YANLAG JUNG cercado de 1300 arhants. Para quem segura um incenso que queima e a bandeira de chicotes nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA MONTANHA SHEL-NAG mora o Ária Sthavira MAPHAM cercado de 100 Arhants. Para ele que tem as mãos na postura de meditação nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA CAVERNA DA montanha de Loma Dünpa mora o Ária Sthavira NAGNANEY cercado de 1400 arhats. Para Ele que faz o mudra ameaçador e segura a bandeira de chicotes nós prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NO CONTINENTE DE Jambudvipa (Java) mora o Ária Sthavira DUDEN cercado de 1100 arhats. Para Ele que segura os anéis de ouro nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA ILHA DE Sri Lanka mora o Ária Sthavira DHOJE MOBU cercado de 1000 grandes Arhats. Para aquele que faz o mudra ameaçador e segura a bandeira de chicotes nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA ILHA DO rio Yamuná mora o Ária Sthavira ZANGPÔ cercado de 1200 Arhats. Para Ele que faz o mudra do ensino do Dharma e cuja mente descansa em perfeita meditação nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague! NO PRINCIPAL LUGAR de Kashmir mora o Ária Sthavira BHARÁ DHA-DZÁ SERTCHÉN cercado de 700 grandes Ahrats. Para Ele cujas mãos descansam em postura de meditação nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NO CONTINENTE AO Norte de Drami-nyen mora o Ária Sthavira BAKULÁ cercado de 900 grandes Arhats. Para Aquele que segura a mangusta em suas mãos nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA ILHA DE Priyangu mora o Ária Sthavira DRACHENDZIN cercado de 1100 Arhats. Para Aquele que segura a preciosa coroa nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NO MONTE DOS Abutres ( Mágadha) mora o Ária Sthavira LANTRENTÉN cercado de 1600 Arhats. Para aquele cujas mãos descansam em postura de meditação nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NO CONTINENTE DO Este de Purva Videha mora o Ária Sthavira BHARA DHA-DZA SEDNYON LEN cercado de 1000 Arhats. Para Aquele que segura um livro e a tigela nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA RESIDÊNCIA dos 33 deuses (Trayatrimsa) mora o Ária Sthavira LAM TEM cercado de 900 grandes arhats. Para Aquele que faz o mudra do ensino do Dharma e segura um livro nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA RAINHA DAS montanhas, o monte Méru, mora o Ária Sthavira LUI DHE cercado de 1200 Arhats. Para Aquele que segura o vaso (bumpa) e o cajado nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA RAINHA DAS montanhas, Bhihula, mora o Ária Sthavira   BHED JED cercado de 1400 Arhats. Para Aquele que segura o livro nas mãos nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!NA RAINHA DAS montanhas, Himalaya, mora o Ária Sthavira MICHEDPA cercado de 1000 Arhats. Para Aquele que segura a Bodhi Stupa nós nos prosternarnos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague!ÁRIA UPASSAKA DHAMATA, em cuja cabeça há um coque que prende um livro e que vê Amitabha no céu diante de si, para Aquele que segura a bandeira de chicotes e o vaso (bumpa) nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharrna se propague!
Para os QUATRO GRANDES REIS das quatro direções, que têm grande força e poder para proteger a Doutrina do Buda com grandes exércitos. Para os Quatro Grandes Reis, para o Este, para o Sul, para o Oeste e para o Norte nós nos prosternamos. Que a vida do Guru seja estável e o Dharma se propague! (três vezes ou mais).
STrizinadvicepeq
AS MELHORES FLORES, as melhores guirlandas, os címbalos, os ungüentos, os excelentes parassóis, as excelentes lâmpadas e os melhores incensos nos oferecemos aos Budas. Também os melhores vestuários, os excelentes perfumes, os pós medicinais iguais a altura do monte Méru, tudo o que é excelente, supremamente decorado, nos oferecemos a todos os Budas. Nós também visualizamos para todos eles os tesouros sem iguais de tão preciosos e vastos, e pelo poder da pratica da virtude nós oferecemos como homenagem a todos os Budas! [várias vezes]
(E com música:) NAMO RATANA TRAYAYA OM NAMO BHAGAWATÊ BENZÂ SARA PRAMANDANÊ TATHAGHATAYA ARRARATÊ SAMIÂ SAMBUDDHAYÂ TEYATÂ OM BENZÊ BENZE MAMA BENZÊ MAMA TEDZA BENZE MAHA BIJYA BENZE MAHA BODHITITTA BENZE MAMA BODHI MANDA PASSAM TRAMANA BENZE SARVA KARMA AVAREN BISHÔ DANÂ BENZÊ SOHA (3x).
(Se você estiver feliz ofereça a Mandala com a melhor de sua habilidade:) 
OM BENZÂ BHUMI AH HUNG, o chão de tudo o que existe e inteiramente puro, de grande poder com terra de ouro. OM BENZÂ REKHÊ AH HUNG, no centro, cercado por um ininterrupto muro externo esta HUNG, o monte Meru a rainha das montanhas. No Este  esta (Purva-videha) o Continente Este. No Sul está (Jambudvipa), o Continente Sul. No Oeste está (Aparagodaniya) o Continente Oeste. No Norte está (Uttarakurcu) o Continente Norte. O sol e a lua e esta perfeita e completa riqueza de deuses e homens nós oferecemos para o Buda e para os 16 Sthaviras com seus atendentes os reunidos Arhats.
 SUPLICO a todos que compassivamente aceitem estas oferendas pela salvação de todos os seres sensíveis e que tendo aceito abençoem  a todos.    CONFESSO todas e cada ação não-virtuosa que tenha praticado com o corpo, palavra e mente através da influência do desejo, do ódio e da ignorância. ALEGRO-ME com todos os méritos, quaisquer que eles sejam, de todos os Conquistadores das dez direções, dos filhos dos Budas, Pratchecabudas, Sravakas e de todos os seres sensíveis. SUPLICO a todos os Protetores, Aqueles que são lâmpadas dos mundos das dez direções e que gradualmente atingiram a Iluminação sem apego à Budeidade que girem a incomparável Roda (do Dharma). PARA AQUELES a quem o Nirvana se tornou manifesto, com as palmas das mãos juntas eu suplico que,  pelo benefício e felicidade de todos os seres sensíveis, que permaneçam por tantas Eras quantos são os átomos da Terra. QUALQUER PEQUENA QUANTIDADE de virtude que eu tenha acumula do através das prosternações, oferecimentos, confissões, regozijos, exortações e súplicas eu dedico com relação a Iluminação. (Se você estiver feliz e desejar recitar o Mantra, pense no nome do Buda e de sua corte, recitando com concentrada devoção:) OM MUNI MUNI MAHA MUNI SHAKYA MUNYE SOHA [meditação.....]
 (Depois de repetir mais de 100 vezes, com a melhor de sua habilidade recite:) Ó Assembléia dos grandes Arhats, emanação dos Budas que guardam a Doutrina pelo bem-estar dos seres sensíveis, os 16 Sthaviras que são a realidade dos Três Raros Objetos, garantam suas bênçãos para que o Dharma possa perdurar. Os Senhores, que têm a natureza da compaixão, os 16 Sthaviras, abençoem a totalidade da existência mundial para que ela cruze o lago da existência transmigrante e que se liberte da miséria. Que a Assembléia dos 16400 nos abençoem para que o Dharma possa perdurar. Ó Arhats, que são o objeto de crescimento de mérito de todos os seres,  sábios portadores dos grandes objetos de devoção e oferecimento de todos os seres, supremamente veneráveis, abençoem-nos para que a Doutrina possa perdurar. Pela raiz dos meus méritos e dos outros, que são a fonte do benefício de toda a felicidade, que todas as causas de todos os sofrimentos sejam abandonadas e que o oceano da existência rapidamente seque. Que o oceano de mérito possa inundar completamente o oceano de sabedoria transcendente através de toda purificação e que possam todos os oceanos de preces serem completamente realizados com a corporificação de todos os seres sensíveis como de alta eminência. Possa a boa fortuna do incomparável e muito excelente Guru, que alcançou o limite extremo das duas acumulações e que realizou as obras dos Conquistadores dos três tempos abençoar a todos. Com ele não há separação de qualidades e ele leva à maturidade aqueles que têm igual fortuna e são bem treinados. Possa a boa fortuna dos grandes Sthaviras chegar, os quais, pela compaixão dos conquistadores dos três tempos e de seus filhos, que guardem a Doutrina à maneira dos Srávakas por tanto tempo quanto a existência continue, e que trabalhem pelo bem-estar de todos os seres sensíveis. Possa a boa fortuna dos Quatro Grandes Reis, YULKHOR-SUNG, PHAGKYEPO, CHENMI-ZHANG e NHAMTÖ-SÄ, chegar para nós, os quais são os mais profundos e vastos protetores. Possa a Doutrina, que é a única verdadeira fonte de benefício e felicidade longamente permanecer e que os seres sagrados, que são guardiões da Doutrina, firmemente plantem a vitoriosa bandeira de suas vidas. Possa a experiência da boa fortuna da Doutrina viver longamente. Através da vinda do Mestre Buda ao mundo, que a Doutrina deslumbre como a luz do sol e que haja a Sangha que a segure harmoniosamente. (Toque música após ter recitado estas estrofes e outras semelhantes preces auspiciosas. Este foi o abreviado rito combinado de saudações e devoção aos 16 Sthaviras. Este texto é conhecido como tendo sido escrito pelo grande Pandíta SAKYA SRI.) SARVA MANGALAM [O Senhor Atisha (982-1054) e o Pandita Kashmiri Shakya Shribhadra (1127-1225) popularizaram este ritual de oferecimentos ao Buddha Shakyamuni e aos 16 Arhats.] Trad. R. Samuel.

domingo, 20 de maio de 2018

sexta-feira, 18 de maio de 2018

quarta-feira, 16 de maio de 2018

terça-feira, 15 de maio de 2018

segunda-feira, 14 de maio de 2018

O LANDRÉ VAI COMEÇAR: É GRATUITO

Registration costs for all participants have been paid through the kindness and generosity of Venerable Khenpo Kalsang Gyaltsen and other Lam Dre sponsors who have pledged to cover the temple’s costs to host these precious teachings. By the merit of this offering, may the life of His Holiness the Sakya Trizin and all holy masters be long and their teachings flourish throughout the world.

Sign-Up

While there will be no tuition charge for the teachings, it is  important that each person who plans to  attend all or part of the Lam Dre teachingsign up by filling out the sign-up form here. Signing up in advance is important so that you can receive updates about scheduling and special events that will occur during the teachings and so that you will be granted access to texts and other materials that will help you prepare to receive the Lam Dre, and to the forums where you can coordinate housing and transportation with other students. Also, your sign up information will help us prepare materials, texts, etc. in sufficient quantities and the initiations can be scheduled appropriately.